1 de dez de 2006

Deu no JB Online

Reunião da direção nacional do PSDB termina em bate-boca

Tina Vieira - Brasília.

Esquentou o clima no encontro da Executiva Nacional do PSDB para discutir a unidade do partido e iniciar o debate sobre a renovação da legenda. O presidente do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE), e o líder da bancada tucana na Câmara, deputado Jutahy Magalhães (BA), trocaram ofensas e tumultuaram o encontro realizado na noite de terça-feira. O motivo da discussão foi uma resolução apresentada por Tasso que impede a participação do PSDB em governos estaduais comandados pelo PT. O deputado Jutahy, que terá direito a uma fatia de poder no governo do petista Jaques Wagner na Bahia, não concordou com a proposta e disse que a resolução era uma traição.

- Quem entende de traição aqui é você que em 1994 não apoiou o Fernando Henrique - retrucou Tasso.

Jutahy argumentou que está fora do poder há 20 anos e não podia concordar com a resolução.

- Quem pediu para eu apresentar esta resolução foram o Fernando Henrique e o Aécio - justificou Tasso.

JB Online - 30 de novembro de 2006

Um comentário:

Edson Simões disse...

O governador José Serra tem razão, não dá mais para permanecer junto dessa cambada de direita que tomou de assalto do PSDB. Quem é que não se lembra como foi o comportamento do Tasso Jereissati na campanha de 2002? E agora, na 2006, o que fez o presidente do PSDB senão atrapalhar seu candidato Alckmin?
Já em 2000/2001, diziam alguns que Tasso é um peefelista chupim no ninho tucano, é só observar seu comportamento e verificar essa suspeita.