9 de mar de 2007

Dúvidas jurídicas

Segundo li no site do Bom Dia Bauru, a jornalista Inês Ferreira processa Purini, Monteiro e Márcio ABC por difamação e injúria. Fiquei me perguntando: não falta alguma coisa aí?

Não sou advogado, sou mesmo leigo no assunto, mas recebi outro dia um email que explicava as diferenças entre difamação, injúria e calúnia, não acho mais o texto, e entendi, me corrijam os entendidos, que difamação e injúria, mesmo calúnia, são resultado de afirmação ou divulgação de um fato ou de uma mentira, sei lá, que ofenda aquele que foi objeto da afirmação.

Gravar simplesmente não é afirmar nada, e como a gravação não foi divulgada, não se tornou pública, cabe algum tipo de reclamação dessas?

Outra dúvida: alguém pode gravar conversa? Ouvi dizer que um dos envolvidos pode, é correta essa afirmação?

Outra que me aflige: pagar, ou arrumar quem pagasse, jornalista para falar bem da gente não é indecoroso? O Beiçola não é parlamentar? Não dá quebra de decoro parlamentar?

Não é melhor então que o Boca Mole responda a CEI na condição de presidente de autarquia? Se bem que o José Dirceu foi cassados por atos que teria cometido como e enquanto ministro. Dá na mesma?

Nenhum comentário: