5 de jan de 2007

Reviravolta

O JC chama de "reengenharia" o arranjo que o prefeito abúlico fez agora nos primeiros dias do ano para dar o ar de sua graça. Nós chamamos de "revorteio", que é deixar como está para ver como é que fica.

Depois de merecido descanso no litoral, acompanhado de um secretário que também não gosta muito do batente, conhecido como "bocó de mola", o prefeito dá uma de Lula: mexe o mínimo, só para fazer barulho, mas não quer causar marola nenhuma, pois tem dificuldade para pilotar o barco; arrasta os móveis e volta tudo no mesmo lugar.

Para parecer ainda mais com o Lula só falta uma coisa: tirar mais quinze dias de férias. Deixa o homem descansar!

O homem é um verdadeiro "miolo mole", um apalermado, provou, de uma vez por todas, que não é do ramo, não tem tino, parece um bobo alegre tentando jogar para a torcida. Só é aplaudido mesmo pela curriola de sempre, os patetas e babacas que vivem do expediente de elogiar o chefe.

Enquanto isso ficam em evidência os nomes do homem de nome plural (de que mesmo?), também chamado de "babaquara", e do cunhado "de confiança"(*), o famoso "boca mole". Também não têm dificuldade nenhuma, já que não há quem lhes faça sombra; o único que poderia, o abúlico, passa mais tempo deitado que de pé, geralmente em quarto fechado, onde não faz sombra nenhuma.

O prefeito não vai mexer no time mesmo. Devem estar ganhando muito, pois só em time que está ganhando não se mexe. O que podemos mais fazer, a não ser resmungar e fazer piadinhas?

Vamos apelidar ele e seus cupinchas, tratá-los como "os bobocas", "os pacóvios", "os paspalhos" e por aí afora; só não vamos chamá-los de "cabeças de bagre" para não ter que pedir desculpas para o presidiário Izzo, uma vez que a piada é dele, da época em que era só professor e prefeito.

(*)Grande sacada do Chinelo!

ps. Essa dos "cabeças de bagre" é uma boa para o Chinelo colocar na coluna Politicando.

ps2. E pensar que fiz com que minha filha do meio gastasse seu primeiro voto nesse rascunho de político que hoje está aí! Se eu soubesse que seria um prefeito tão nulo, já teria anulado meu voto de uma vez!


Nenhum comentário: